Inglês

When Mycobacterium tuberculosis invades macrophages, bacteria remain alive in phagosomes owing to M. tuberculosis-induced suppression of lysosome–phagosome fusion. Relatively low-virulence strains of M. tuberculosis often induce apoptosis, and when macrophages engulf these ACs, lysosome fusion with AC-containing phagosomes promotes bacterial killing110 (Fig. 3a). Perhaps related to this mechanism, M. tuberculosis infection worsens in mice given a neutralizing antibody against the efferocytosis receptor T cell immunoglobulin mucin receptor 4 (TIM4). Another example of efferocytosis-mediated host defence occurs when certain bacteria, such as Salmonella enterica subsp. enterica serovar Typhimurium and some strains of Klebsiella pneumoniae, trigger pyroptosis in neutrophils111,112. Efferocytosis of the infected neutrophils by macrophages in vitro, which is facilitated by the interaction of pore-induced intracellular traps on pyroptotic cells with scavenger and complement receptors on macrophages112, leads to bacterial neutralization (Fig. 3b). Inhibition of pyroptosis worsens K. pneumoniae infection in mice, but a direct link to impaired efferocytosis has not been shown. This point is important, as molecules released by ACs can affect phagocytes independently of efferocytosis, and this may be particularly important with pore-bearing pyroptotic cells.

Português

Quando Mycobacterium a tuberculose invade macrófagos, as bactérias permanecem vivas em fagossomas devido à supressão induzida por M. tuberculosis da fusão lisossoma-fagossoma. Relativamente cepas de baixa virulência de M. tuberculosis freqüentemente induzem apoptose, e quando os macrófagos engolfam esses ACs, a fusão do lisossoma com fagossomas contendo AC promove a morte bacteriana110 (Fig. 3a). Talvez relacionado a isso mecanismo, infecção por M. tuberculosis piora em camundongos dado um anticorpo neutralizante contra o receptor de eferocitose, células T, imunoglobulina, receptor (TIM4). Outro exemplo de hospedeiro mediado por efferocitose defesa ocorre quando certas bactérias, como Salmonella enterica subsp. enterica sorovar Typhimurium e alguns cepas de Klebsiella pneumoniae, desencadeiam piroptose em neutrófilos111,112. Eferocitose dos neutrófilos infectados por macrófagos in vitro, que é facilitada por a interação de armadilhas intracelulares induzidas por poros em células piroptóticas com necrófagos e receptores de complemento em macrófagos112, levam à neutralização bacteriana (Fig. 3b). A inibição da piroptose piora K. pneumoniae infecção em camundongos, mas não foi demonstrada uma ligação direta com a deficiência de efferocitose. Este ponto é importante, pois moléculas liberadas por ACs podem afetar os fagócitos independentemente da efferocitose, e isso pode ser particularmente importante com células piroptóticas portadoras de poros.

Termos de Utilização

Certifique-se de cumprir as regras de escrita e o idioma dos textos que você irá traduzir. Uma das coisas importantes que os usuários devem ter em mente ao usar o sistema de dicionário inglesportugues.pt é que as palavras e textos usados durante a tradução são armazenados no banco de dados e compartilhados com outros usuários no conteúdo do site. Por esta razão, pedimos que você preste atenção a este tópico no processo de tradução. Se você não quiser que suas traduções sejam publicadas no conteúdo do site, entre em contato com →"Contato" por e-mail. Assim que os textos relevantes forem removidos do conteúdo do site.


Política de Privacidade

Terceiros, incluindo o Google, usam cookies para veicular anúncios com base em visitas anteriores do usuário ao seu website ou a outros websites. Com o uso de cookies de publicidade, o Google e os parceiros dele podem veicular anúncios para os usuários com base nas visitas feitas aos seus sites e/ou a outros sites na Internet. Os usuários podem desativar a publicidade personalizada acessando as Configurações de anúncios. Como alternativa, você pode orientar os usuários a acessar o site www.aboutads.info para desativar o uso de cookies de publicidade personalizada de terceiros.